CRITÉRIOS DE SUSTENTABILIDADE PARA ELEMENTOS CONSTRUTIVOS – UM ESTUDO SOBRE TELHAS “ECOLÓGICAS” EMPREGADAS NA CONSTRUÇÃO CIVIL

Ano:
2009
Palavras chave:
sustentabilidade; ; telha ecológica; ; reciclagem; ; design sustentável.;
Resumo:
Com o despertar do mundo para o desenvolvimento sustentável, surgiu uma preocupação com o crescente consumo de recursos naturais, bem como para com a quantidade de resíduos que retorna para o meio ambiente. A construção civil é um dos setores da economia que mais consomem recursos minerais, portanto carente de materiais mais ecológicos, ou seja, que causem menos impactos ao meio ambiente. Algumas iniciativas já estão sendo observadas neste sentido, como é o caso das telhas ecológicas comercializadas no mercado brasileiro. Entretanto, não há um padrão balizador para atestar se essas telhas realmente atendem aos requisitos de sustentabilidade ou se estão apenas se utilizando do marketing verde como uma estratégia de mercado. Esta pesquisa tem como objetivo estabelecer alguns parâmetros para o “design” de telhas que sejam sustentáveis, considerando os aspectos ambientais, técnicos, econômicos e sociais. Foi desenvolvida através da análise crítica e comparativa de três telhas denominadas de ecológicas por seus fabricantes, tendo como matéria-prima materiais reciclados e/ou renováveis – a produzida com resíduo de papel, a produzida com resíduo de polietileno e alumínio e a produzida com madeira proveniente de área de manejo florestal - e de duas telhas convencionais, a de fibrocimento e a cerâmica, todas produzidas e comercializadas no Brasil. Para chegar a um modelo de telha ecológica efetivamente sustentável foram utilizadas técnicas de design para novos produtos.