USO E OCUPAÇÃO DO SOLO E OS IMPACTOS NA QUALIDADE DOS RECURSOS HÍDRICOS SUPERFICIAIS DA BACIA DO RIO IPITANGA

Ano:
2009
Palavras chave:
Uso e ocupação do solo; Qualidade das água; Bacia do rio Ipitanga;
Resumo:
O trabalho objetivou identificar e caracterizar os processos de uso e ocupação do solo na bacia do rio Ipitanga e seus impactos na qualidade dos recursos hídricos superficiais. Após revisão bibliográfica sobre o tema, foi realizada pesquisa de campo, análise documental de dados das monitorizações da qualidade das águas da bacia realizadas pela EMBASA e INGÁ e comparação com os padrões da Resolução CONAMA nº 357/2005, águas doces, Classe 2. O rio Ipitanga localiza- se na bacia hidrográfica do Recôncavo Norte na Bahia, possui sua nascente no município de Simões Filho, passa por Salvador e deságua em Lauro de Freitas, no rio Joanes, sendo o seu principal afluente. O rio Ipitanga e seus afluentes são utilizados para abastecimento de água doméstico e industrial da cidade de Salvador e sua Região Metropolitana, dessedentação de animais, lazer, esportes náuticos, pesca e como corpo receptor de efluentes líquidos. Em relação ao uso e ocupação do solo da bacia, verifica-se uma variedade significativa de atividades sendo desenvolvidas, tais como: indústrias, centros de abastecimentos, aterro sanitário, pedreiras, porto, sítios particulares com atividades agrícolas, residências e comércios. As águas do rio Ipitanga vêm perdendo sua qualidade de montante à jusante, ao longo dos anos, de acordo com os dados levantados e analisados.