PROPOSTA DE METODOLOGIA PARA A GESTÃO DE RESÍDUOS: TRANSFORMANDO O RESÍDUO EM SUB-PRODUTO

Ano: 
2008
Autor: 
Banca Examinadora: 
Resumo: 
A geração de resíduos é um problema que acompanha o desenvolvimento da humanidade ao longo dos séculos. No entanto, somente após a Revolução Industrial este problema se tornou relevante e passou a comprometer a qualidade de vida das comunidades. Os avanços tecnológicos possibilitaram cada vez mais o acesso dos indivíduos a bens de consumo e o aumento deste consumo incentivou o aumento da produção industrial, fechando um ciclo, que tem como conseqüência a degradação ambiental. Apesar disso, a busca pelo crescimento econômico de forma desenfreada fez com que as questões ambientais somente viessem à tona nas últimas décadas do século passado. Por isso, a procura por soluções que busquem atenuar os impactos ambientais gerados pelo homem vêm se multiplicando. Neste sentido, é apresentada neste trabalho uma metodologia de gestão de resíduos sólidos, que tem como objetivo transformar este “lixo industrial” em um novo insumo que pode ser aproveitado pela mesma indústria geradora ou outras, de setores diversos. Vale ressaltar, também, que o pensamento das empresas deve ser, sempre, o de reduzir sua geração de resíduos, sejam eles líquidos, sólidos ou gasosos para somente depois pensar em reutilizar ou reciclar, segundo o conceito básico dos 3 R´s. Caso essa minimização não seja possível ou, até mesmo, não resolva totalmente o problema dos resíduos no âmbito da empresa, esta proposta surge como um direcionamento para uma gestão eficiente, com o objetivo de gerar lucro para as empresas que estejam dispostas a investir em estudos sérios e comprometidos com as questões ambientais sem, no entanto, ter a pretensão de ser uma “receita” para todos os tipos de resíduos, independente das condições locais (cultura, aspectos sociais, etc.) e econômicas.