DESENVOLVIMENTO DE SÍMBOLOS PARA MAPA TÁTIL INDOOR A PARTIR DE IMPRESSORA 3D

Ano:
2018
Palavras chave:
Símbolo Cartográfico Tátil. ; Impressão 3D. ; Deficiência visual. ;
Resumo:
A cartografia tátil confere a uma área da cartografia dedicada à elaboração de mapas para pessoas com deficiência visual e tem o objetivo de viabilizar a comunicação háptica de informações espaciais. Dentre diversas aplicações, a cartografia tátil pode ser utilizada para sinalização de ambientes internos de uma edificação (indoor), por exemplo, edifícios públicos ou privados, assim como de ambientes externos (outdoor), a citar, parques e campus universitário, contribuindo para melhorar a mobilidade de pessoas com deficiência visual. Diferentes técnicas têm sido utilizadas para fabricação de mapas táteis: artesanal, gráficos em relevo, papel microcapsulado, termoformagem e tecnologias de impressão em três dimensões (3D). Deste modo, o objetivo geral desta pesquisa é desenvolver símbolos cartográficos para mapas táteis de ambiente indoor a partir de parâmetros de impressão inferidos durante a pesquisa com tecnologia de impressão 3D. Para tanto, foram propostos símbolos com formas geométricas associadas ao significado do elemento espacial representado cartograficamente, visando facilitar a interpretação das informações por pessoas cegas e dimensionar parâmetros de impressão que possibilitem a reprodução dos símbolos tridimensionais para mapas táteis. Preliminarmente, elaborou-se um mapa artesanal dos campi Ondina/Federação da Universidade Federal da Bahia (UFBA) para experienciar a cartografia tátil na representação de um espaço universitário; definiu-se como área de estudo o pavilhão de aulas Glauber Rocha (PAF III) da UFBA; e, projetaram-se os modelos 3D digitais do mapa e da legenda do piso térreo do PAF III no software Google Sketchup 8, referente a um programa de projeto auxiliado por computador – Computer Aided Design (CAD). Em seguida, realizou-se a impressão dos modelos digitais utilizando como material experimental a Acrilonitrila Butadieno Estireno (ABS). Realizaram-se testes experimentais de impressão com o ABS, utilizando diferentes configurações, visando definir parâmetros técnicos mais adequados para obtenção de formas geométricas distintas e aderentes, a partir do modelo da impressora utilizada. Aplicou-se nesta pesquisa o método experimental, deste modo, os objetos de estudo são os símbolos cartográficos táteis e as variáveis são as formas geométricas e os parâmetros dimensionais dos mesmos. Após impressão do mapa e da legenda em Braille avaliaram-se a cognição dos símbolos táteis e a capacidade de sinalização cartográfica a partir da participação de voluntários cegos vinculados à UFBA e ao Instituto de Cegos da Bahia (ICB) e foram identificados parâmetros de impressão adequados para elaboração de mapas táteis com impressora 3D pelo método de fusão de polímero.