AVALIAÇÃO DAS POTENCIALIDADES E DOS DESAFIOS DA IMPLANTAÇÃO DE POLÍTICAS PARA GERENCIAMENTO DE ESTACIONAMENTOS

Ano:
2018
Palavras chave:
Estacionamentos; ; Gerenciamento de Estacionamentos; ; Integração entre Modos; ; Viabilidade Técnica e Econômica. ;
Resumo:
As grandes cidades, em todo o mundo, possuem um problema em comum que é o crescimento de sua frota veicular. Em decorrência desse crescimento, surgem problemas associados aos estacionamentos, elemento integrante da infraestrutura para mobilidade urbana. Nesse contexto, temas tais como consumo de espaço, demanda e oferta por vagas de estacionamento, integração entre modos e gerenciamento dessa infraestrutura ganham destaque, pois, os mesmos viabilizam atividades urbanas e possibilitam a produção e atração de viagens para as várias regiões da cidade. Dessa forma, as estratégias que visam gerenciar os estacionamentos devem adotar medidas que respeitem a relação transporte e uso do solo. Entre as medidas restritivas que comumente vem sendo aplicadas estão a impossibilidade de acesso ao centro por meio de transporte individual motorizado, a instalação de equipamentos para estacionamento em regiões periféricas aos centros, valorização do transporte público e disponibilização de integração entre modos como, por exemplo, estacionamento-metrô. Em contrapartida, o uso da área que seria usada para estacionamento serviria como área de convivência social e atividades econômicas. O objetivo desta dissertação é avaliar potencialidades e desafios na implantação de medidas de gerenciamento aplicadas ao estacionamento em vagas rotativas nas vias dos centros tradicionais. Para tanto, foi realizado um inventário espacial das vagas em vias públicas da área de estudo, região integrante do entorno do Centro Histórico de Salvador, e posteriormente análises comparativas das medidas de gerenciamento aplicadas aos estacionamentos pesquisados. O método utilizado nesta pesquisa foi desenvolvido através da análise espacial utilizando o Sistema de Informações Geográficas (SIG), processando dados de natureza oficial, Pesquisa Origem-Destino de 2012 da Região Metropolitana de Salvador, e não oficial, oriundos das plataformas globais Google Maps e Google Earth. Outro método quantitativo aplicado foi a aplicação de formulário proposto para usuários de um estacionamento integrado fisicamente ao metrô da cidade. Produtos cartográficos foram gerados com o intuito de apresentar as origens e os destinos dos usuários de automóveis, a representação do padrão de distribuição dos estacionamentos na área de estudo, a condição de tráfego nas vias, a estimativa da demanda potencial de viagens aos centros urbanos, além de outros resultados como os custos associados aos deslocamentos; a oferta de vagas de estacionamentos (em vias públicas e fora delas), as potencialidades e os desafios para as medidas de gerenciamento aplicadas aos estacionamentos. Assim, foi verificado que a integração do metrô-carro é um caminho eficiente para promoção do transporte público urbano e é uma medida eficaz para diminuir o uso do automóvel.