Apresentação de Seminário de Pesquisa: PADRONIZAÇÃO DE SÍMBOLOS TÁTEIS PARA MAPAS INDOOR CONSTRUÍDOS A PARTIR DE IMPRESSORA 3D

Local:
PPEC

Data :
09/11/2017 - 14:00

Resumo:

A cartografia tátil pode ser utilizada para sinalização de ambientes internos de
uma edificação (indoor), por exemplo, edifícios públicos ou privados, assim
como de ambientes externos (outdoor), a citar, parques e campus universitário,
contribuindo para melhorar a mobilidade de pessoas com deficiência visual.
Diferentes tecnologias têm sido utilizadas para fabricação de mapas táteis:
artesanal, gráficos em relevo, papel microcapsulado, termoformagem e
tecnologias de impressão 3D. Deste modo, o objetivo geral desta pesquisa é
elaborar uma proposta de padronização de símbolos cartográficos para mapas
táteis de ambiente indoor por meio da tecnologia de impressora 3D. Para tanto,
pretende-se propor símbolos com formas geométricas associadas ao conceito
do elemento espacial representado cartograficamente, visando facilitar a
interpretação das informações, e, dimensionar parâmetros que possibilitem a
reprodução dos símbolos para novos mapas. Utilizou-se como material
experimental a Acrilonitrila Butadieno Estireno (ABS) e avaliaram-se a cognição
dos símbolos e do mapa por voluntários da comunidade acadêmica da
Universidade Federal da Bahia (UFBA) e do Instituto de Cegos da Bahia (IBC)
que possuem deficiência visual. Será proposto um modelo conceitual para
elaboração de mapas táteis de ambiente indoor com tecnologia de impressora
3D utilizada nesta pesquisa. Nesta pesquisa utilizou-se o método experimental,
deste modo, os objetos de estudo são os símbolos táteis e as variáveis são a
forma geométrica e os parâmetros dimensionais dos mesmos. O térreo do
pavilhão de Aulas Glauber Rocha (PAF III) da UFBA corresponde à área de
estudo modelada digitalmente e impressa em três dimensões. Realizou-se
entrevista estruturada qualitativa para descrever o perfil dos voluntários e para
avaliação da qualidade dos símbolos táteis e a eficiência do mapa para a
sinalização do ambiente indoor representado. O mapa final será doado para o
PAF III visando melhorar a sinalização desse espaço para as pessoas com
deficiência visual.

 

 

A cartografia tátil pode ser utilizada para sinalização de ambientes internos de uma edificação (indoor), por exemplo, edifícios públicos ou privados, assim como de ambientes externos (outdoor), a citar, parques e campus universitário, contribuindo para melhorar a mobilidade de pessoas com deficiência visual. Diferentes tecnologias têm sido utilizadas para fabricação de mapas táteis: artesanal, gráficos em relevo, papel microcapsulado, termoformagem e tecnologias de impressão 3D. Deste modo, o objetivo geral desta pesquisa é elaborar uma proposta de padronização de símbolos cartográficos para mapas táteis de ambiente indoor por meio da tecnologia de impressora 3D. Para tanto, pretende-se propor símbolos com formas geométricas associadas ao conceito do elemento espacial representado cartograficamente, visando facilitar a interpretação das informações, e, dimensionar parâmetros que possibilitem a reprodução dos símbolos para novos mapas. Utilizou-se como material experimental a Acrilonitrila Butadieno Estireno (ABS) e avaliaram-se a cognição dos símbolos e do mapa por voluntários da comunidade acadêmica da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e do Instituto de Cegos da Bahia (IBC) que possuem deficiência visual. Será proposto um modelo conceitual para elaboração de mapas táteis de ambiente indoor com tecnologia de impressora 3D utilizada nesta pesquisa. Nesta pesquisa utilizou-se o método experimental, deste modo, os objetos de estudo são os símbolos táteis e as variáveis são a forma geométrica e os parâmetros dimensionais dos mesmos. O térreo do pavilhão de Aulas Glauber Rocha (PAF III) da UFBA corresponde à área de estudo modelada digitalmente e impressa em três dimensões. Realizou-se entrevista estruturada qualitativa para descrever o perfil dos voluntários e para avaliação da qualidade dos símbolos táteis e a eficiência do mapa para a sinalização do ambiente indoor representado.  O mapa final será doado para o PAF III visando melhorar a sinalização desse espaço para as pessoas com deficiência visual.