Apresentação de Seminário de Pesquisa: INVESTIGAÇÃO DA PRESENÇA DE CONTAMINANTES NA ÁGUA DE CHUVA ARMAZENADA EM CISTERNAS DE POLIETILENO EM COMUNIDADES RURAIS DO MUNICÍPIO DE SÃO DOMINGOS, SEMIÁRIDO DA BAHIA.

Local:
Sala de Reunião do DEA

Data :
10/26/2016 - 09:00

Resumo:

O presente trabalho se propõe a avaliar a presença de contaminantes na água de chuva armazenada em cisternas de polietileno, como possível indicativo da ocorrência de migração a partir da matriz do polietileno, verificando também se as águas estão dentro dos limites exigidos pela legislação vigente de potabilidade de água. As comunidades rurais em regiões de semiárido, geralmente não estão próximas a fontes seguras de água, de sorte que a captação e armazenamento de água de chuva tem sido uma técnica muito utilizada no semiárido brasileiro e tem se mostrando uma importante alternativa para fornecimento de água à população rural. As cisternas de polietileno vem sendo utilizadas em países com temperaturas semelhantes ou até mais críticas que as encontradas no semiárido brasileiro, por isto, no Brasil, o uso de cisternas de polietileno tem crescido em larga escala. Para este trabalho de pesquisa, inicialmente foram caracterizados os usos das cisternas de polietileno nas comunidades de Sítio Novo e Ouro Verde, Município de São Domingos no semiárido da Bahia. Na segunda etapa da pesquisa estão sendo realizadas análises da qualidade da água armazenada em cisternas de polietileno, quanto a parâmetros químicos inorgânicos e orgânicos, utilizando técnicas cromatográficas e de espectroscopia. Até o momento verificou-se a presença de substâncias químicas pertencentes ao grupo dos compostos carbólicos aldeídos e cetonas em amostras de água coletadas em nove cisternas da comunidade de Ouro verde.