Apresentação de Seminário de Pesquisa: ANÁLISE DA DEGRADAÇÃO DE HIDROCARBONETOS DE PETRÓLEO POR MICRORGANISMOS NATIVOS DE UMA ÁREA DE EXPLORAÇÃO “ONSHORE”, POR INTERMÉDIO DE ENSAIOS DE COLUNA

Local:
Hernani Sobral - Videoconferência

Data :
07/03/2019 - 14:00

Resumo:

A complexidade envolvida na análise de fluxo de substâncias em substratos granulares é atribuída aos diversos fenômenos desenvolvidos pela interação do fluido percolante com as partículas do solo. No caso de substâncias contaminantes, a obtenção de parâmetros de trasporte é essencial para prevê o avanço da contaminação e auxiliar nas medidas de gerenciamento da área contaminada. Quando o contaminante se apresenta no solo em níveis considerados nocivos a saúde humana, torna-se necessário o emprego de técnicas de remediação. Na presente pesquisa, através da aplicação de ensaios de coluna, é analisado o transporte da fase dissolvida de um fluido, água de produção (AP), com alto teor de hidrocarbonetos de petróleo (HTP) em um solo areno argiloso, denominado solo várzea, proveniente das imediações de uma área de exploração de petróleo onshore. Dentre os processos estabelecidos durante a percolação do fluido em estudo, será investigada a redução da sua concentração de hidrocarbonetos devido a degradação, desse composto, por microrganismos nativos do solo várzea. Ensaios preliminares de caracterização físico-química do solo, evidenciam que o mesmo possui condições ambientais satisfatórias para o desenvolvimento de microrganismos. Ensaios para a quantificação de HTP de amostras de fluido percolados, das colunas de solo, indicarão a atenuação desse composto e sua associação com o desenvolvimento de prováveis atividades biodegradadoras, as quais poderão ser comprovadas, através de análises microbiológicas empregues em amostras de solo retiradas, em diferentes tempos, das colunas compactadas. Os microrganismos nativos do solo várzea, com capacidade de degradar HTP, serão isolados e identificados. Durante a realização dos ensaios de coluna, é perceptível interferências no fluxo do fluido estudado, com redução das taxas de infiltração, pelo fenômeno de dispersão das argilas, o que é influenciado pelas características granulométricas do solo várzea, com alto teor de finos, e a composição da água de produção, como a alta concentração de sódio. A detecção de microrganismos presentes no solo com capacidade de degradar hidrocarbonetos fornecerá informações essenciais para a aplicação de técnicas de biorremediação in situ na área de coleta do solo, além de propiciar a análise da aplicação desse material compactado como barreira de contenção microbiologicamente ativa.