Apresentação de Projeto de Pesquisa: MODELO DE SISTEMA DE GESTÃO DA SEGURANÇA PROATIVO EM CANTEIROS DE OBRA BASEADO NA ENGENHARIA DE RESILIÊNCIA (ER) E ASSISTIDO POR VEÍCULO AÉREO NÃO TRIPULADO

Local:
Sala de aula do PPEC

Data :
03/01/2018 - 16:00

Resumo:

Os projetos de construção podem ser compreendidos por sua natureza complexa e dinâmica, destacando a indústria da construção civil como um dos setores com maior representatividade nos índices de acidentes de trabalho. A gestão da segurança é responsável pela identificação, controle e avaliação dos perigos que possam ocasionar em acidentes. Entretanto, devido as altas taxas de eventos adversos (acidentes/incidentes), questiona-se a eficiência dos sistemas de gestão baseados em métodos reativos. Em vista disso, observa-se a necessidade de novas abordagens para impulsionar a segurança em projetos de construção, como a aplicação de Engenharia de Resiliência (ER) e tecnologias visuais para monitoramento do canteiro. A RE está relacionada a capacidade intrínseca de uma organização ou sistema em manter ou recuperar um estado dinamicamente estável, permitindo continuar as operações após eventos inesperados ou na presença de um estresse contínuo. Do ponto de vista tecnológico, destaca-se o potencial dos Veículos aéreos Não Tripulados (VANT) no monitoramento proativo da segurança. Assim, este trabalho tem como objetivo propor um modelo de sistema de gestão da segurança proativo por meio da adoção de princípios da RE associada ao uso do UAS, visando melhorias no processo de gestão e da compreensão do trabalho normal. A estratégia de pesquisa adotada nesta tese é a Design Science Research, envolvendo as seguintes etapas: (a) conscientização do problema real de pesquisa; (b) proposta do estudo através de um estudo de caso A; (c) desenvolvimento do artefato a partir de dois estudos de caso B e C; e (d) avaliação do artefato por dos estudos B e C. Como contribuições, destaca-se que o uso de tecnologias visuais associado a RE pode auxiliar no processo de gestão da segurança em canteiros de obra, corroborando no gerenciamento das atividades a fim de antecipar e controlar as ameaças ou conflitos.